Terça-Feira, 25 de setembro de 2018 Nossa história      

Notícias

CABECEIRAS: Prefeitura sediará 1° Fórum Comunitário para obtenção do Selo Unicef 2017-2020

Por Secretaria de Comunicação Social

Nesta quinta-feira (29/08), a Prefeitura de Cabeceiras, através do CRAS, sediará o 1º Fórum Comunitário do Selo Unicef, que será realizado, no auditório do Cras, de 08:00 às 13:00h.

Durante o evento serão apresentadas metodologias, reforçando os objetivos do selo, ações realizadas pelo município, destacando que esta é mais uma ação estratégica de participação social obrigatória.

O mobilizador do Selo Unicef, Roney Rodrigues, falou que o fórum propicia um espaço de discussão, para que representantes da sociedade possam discutir os indicadores das linhas de base, propor ações que melhorem os indicadores e gerar um impacto positivo nas políticas da infância e adolescência do município. A participação dos jovens, durante o Fórum Comunitário, é de grande importância, porque estimula cada vez mais o protagonismo juvenil.

O prefeito Municipal Dr. José Joaquim, diz que uma de suas maiores preocupações é com as políticas públicas para as crianças e adolescentes, e ressalta que não medirá esforço para investir na garantia desses direitos principalmente para aquelas em situação de vulnerabilidade.

Sobre o Selo Unicef

O Selo Unicef é uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância voltada à redução das desigualdades e à garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes previstos na Convenção sobre os Direitos da Criança e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), e é realizado em áreas que concentram o maior número de meninos e meninas em situação de vulnerabilidade.

A iniciativa contribui para que o Brasil alcance os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) relacionados à população de até 17 anos, que reduza as disparidades regionais e avance na universalização dos direitos. A metodologia combina capacitação de atores municipais, aprimoramento dos mecanismos de gestão local e mobilização social, com a ampla participação comunitária, principalmente dos adolescentes.